‘Nem mesmo os melhores jogos do ano podem compensar a queda de 30% no faturamento da indústria.’ (Foto: Divulgação / Sony)

O New York Times publicou nesta quarta-feira uma reportagem sobre as dificuldades financeiras enfrentadas pela indústria de jogos. Segundo a publicação, as vendas caíram 8% em 2011 e este ano, citando um levantamento do “Gamsutra”, queda já estaria em 20%. Dois colaboradores do jornal – Chris Suellentrop e Stephen Totilo, do Yahoo e do Kotaku, respectivamente – comentaram as quedas.

Nem mesmo jogos “sociais” escaparam: em um mês, “Draw Something” perdeu quatro dos 14 milhões de jogadores da plataforma, logo após a empresa desenvolvedora, a Omgpop, ser comprada pela Zynga (do Farmville) por US$ 180 milhões em abril.

A dupla ainda contrastou a realidade de gamers que jogam em consoles, tendo que pagar caro para comprar console, TV, acessórios e os games, enquanto outros podem aproveitar jogos muito baratos no celular ou mesmo as ofertas “free-to-play”.

Embora o modelo de US$ 60 por um disco plástico esteja no leito de morte, novos meios de financiamento para o desenvolvimento de jogos aparecem toda semana“, observou  Suellentrop, comentando sobre o game do “The Walking Dead”, que permite pagar por “episódio” do jogo no lugar da compra do jogo inteiro.

Os jornalistas compararam games com a TV, em que os campeões de audiência são reality shows e programas de esporte, apontando, segundo Suellentrop, um declínio no interesse pela narrativa de ficção. No entanto, os videogames ainda têm a interatividade.

Apesar disso, os jogos têm se concentrado, talvez excessivamente, em aspectos cinematográficos das produções, enquanto o que realmente importa para as pessoas, nos jogos, é essa interatividade. “É o jogar. Todo o resto é secundário“, afirmou Totilo, referindo-se também ao hardware das plataformas e ao novo Wii U.

Novos consoles da Microsoft e da Sony devem chegar só no ano que vem, mas versão mais fina do Playstation 3 aumentou as vendas em 138%. (Foto: iFixIt)

Anúncios

Escrito por Altieres Rohr

Jornalista e tradutor. Editor dos sites Linha Defensiva e Garagem 42 e colunista de Segurança Digital no portal G1 da Rede Globo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.